quarta-feira, 27 de maio de 2009

Moussaka Aldrabado. E muito.

Do moussaka esta receita já só tem o nome, porque de resto a aldrabice já foi tão longe, que resta apenas a ideia daquilo que será o tradicional prato grego.

A beringela trocou-se por courgette, o borrego por atum, acrescentei batatas fritas (!) e isto até já cheira a heresia.
Mas também cheira muuuuito bem! Na verdade cheira a lasanha de vegetais, mas cá em casa é moussaka! :)

O meu Esparguete não é pessoa de grandes paixões da gula, mas deste moussaka, pois é, deste pratinho ele gosta a valer!
E por isso, para o receber de braços abertos quando ele regressou de uma viagem de trabalho, o meu sorriso tem um nome: moussaka aldrabado! :)



Para 2 a 3 pessoas

Recheio:
1 cebola
1 dente de alho
1/3 de uma cenoura
Azeite
Polpa de Tomate
Vinho branco
6 cogumelos frescos laminados
1 lata de atum em azeite
Sal e pimenta

Bechamel:
800gr de leite
75gr de farinha
30gr de manteiga
Sal, pimenta e noz-moscada

Montagem:
1 courgette grande
Queijo mozzarella ralado
Batatas fritas de sabor a gosto (uso lay’s camponesa) - opcional
_________________________________________
thermomix_bimby

Coloque no copo a cebola, o alho e a cenoura: alguns seg, vel 5.
Junte o azeite da lata de atum: 4 min, temp 100º, vel 1.
Acrescente a polpa de tomate, o vinho e os cogumelos: 4 min, temp 100º, vel c.inversa. Triture 3 seg, vel 4.
Tempere com sal e pimenta e junte o atum: 4 min, temp 100º, vel c.inversa. Reserve.

Sem lavar o copo, coloque os ingredientes do bechamel: 8 min, temp 100º, vel 4.

Corte a courgette no sentido longitudinal em fatias finas e disponha metade delas na base de um tabuleiro de forno, formando uma camada.
Coloque por cima metade do recheio reservado, depois o queijo ralado, faça uma camada com as batatas fritas e verta uma parte do bechamel.
Repita tudo de novo e termine com uma camada generosa de bechamel (quando sobra, guardo para depois usar como molho para massas).
Polvilhe com mais queijo ralado e leve ao forno por 30 minutos até dourar.

tradicional

Pique a cebola, o alho e rale a cenoura, refogando-os levemente em azeite (eu uso o da lata de atum) até a cebola amolecer e ficar translúcida.
Acrescente os cogumelos e deixe que soltem o líquido por uns minutos.
Junte então a polpa de tomate e o vinho, em lume médio até levantar fervura. Reduza o lume e deixe apurar por uns minutos.
Tempere com sal e pimenta, acrescente o atum e deixe em lume brando mais uns 5 minutos.

Enquanto isso prepare o molho bechamel:
Aqueça a manteiga até derreter e junte a farinha. Mexa bem, até que a farinha coza. Vá juntando o leite aos poucos, mexendo sempre entre cada adição para não formar grumos, mantendo o lume brando. Quando o leite terminar, o molho deve estar homogéneo. Tempere com sal, pimenta e noz-moscada.

Corte a courgette no sentido longitudinal em fatias finas e disponha metade delas na base de um tabuleiro de forno, formando uma camada.
Coloque por cima metade do recheio reservado, depois o queijo ralado, faça uma camada com as batatas fritas e verta uma parte do bechamel.
Repita tudo de novo e termine com uma camada generosa de bechamel (quando sobra, guardo para depois usar como molho para massas).
Polvilhe com mais queijo ralado e leve ao forno por 30 minutos até dourar.

Acompanho sempre com uma salada, neste caso de courgete, alface, tomate cereja e queijo brie.





Notas:

- Pode substituir o atum por carne picada, restos de carne ou peixe. Garanto – fica sempre delicioso!

- Em vez de courgette pode usar beringela, o ingrediente original desta receita típica grega.

- As batatas fritas podem não ser usadas, mas acreditem que ficam aqui muito bem, por estranho que possa parecer. Inclusivamente, conforme o sabor das ditas, o prato fica logo com um toque diferente.

33 comentários:

  1. Adabrado ou não.... esta com um aspecto nhami nhami!!!!!

    Beijocas

    ResponderEliminar
  2. Como é que é possível uma coisa destas??? Gasparzinha vou fazer este prato o mais rápido que possa! Se conseguir disfarçar a courgette/beringela vai ser um sucesso lá em casa! Obrigada! Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Gasparzinha só de olhar para ele dá vontade de ir para casa fazer e comer. eh!eh!
    Só lhe tirava a batata frita pois não gosto.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Aldrabice ou não...vou ficar fã dessa receita de certeza.

    E VIVA a Grécia. Lindo País!!!!

    Se o teu esparguete gosta, imagina nós que não somos nada esquisitas! ai ai

    ResponderEliminar
  5. Mas q bela aldrabice :)
    Tem um aspecto gasparzinha.
    Mas tb como é obvio, receitinha tua tinha de ter este aspecto ... nhami...

    Bjs

    ResponderEliminar
  6. LolLollollollol o k me ri com esta receita! lol muito bem muito bem =D

    ResponderEliminar
  7. Nos restaurantes gregos só provei uma vez e achei enjoativo, depois fiz em casa, baseada numa receita da Alcina...e Gasparzinha e fiquei fã!
    Ficou super apelativa! hehehe:)

    ResponderEliminar
  8. AHAHAHAH!

    Ia escrever exactamente o mesmo comentário que a primeira pessoa deixou! :D

    (com excepção do "nhami nhami")

    E depois, outra coisa óptima: é que cá em casa, também somos dois ;)

    ResponderEliminar
  9. Aldrabada ou não deixou-me cheia de apetite! E como não conheço a original esta também vai passar a ser a minha "Moussaka"!

    ResponderEliminar
  10. É impressionante como temos gostos parecidos! Nunca fiz com curgete, mas acredito que fica óptimo. Tenho uma predilecção pela gastronomia do "império otomano" e a moussaka faz parte dessa cultura hoteleira. O atum veio dar irreverência à coisa. Eu não lhe chamaria aldrabada, mas reinventada, e muito...bem. Parabéns!
    beijinhos

    ResponderEliminar
  11. Uma heresia perfumada e deliciosa!
    O aspecto está de babar, a esta hora é cá um perigo!

    ResponderEliminar
  12. Amiga,
    Adabrado ou não,tem um ar bem delicioso.E gostei bastante deste prato.Só que os filhotes a comer vai comendo e tirando os legumes:)
    mas vai para a lista urgente para fazer.



    bjs

    ResponderEliminar
  13. aldrabada ou não adorei a tua versão! eheh até rimou!bjinhos:*

    ResponderEliminar
  14. que delicia!
    penso que este moussaka deve ser melhor que o original!!
    bjs

    ResponderEliminar
  15. Ontem fiz uma lasanha vegetariana muito parecida com essa "moussaka". Adoro lasanha vegetariana e adoro moussaka. Ah, e tenho cá em casa muitas e muitas courgettes. Aqui está mais uma receita óptima para gastar as courgettes :) Beijinhos.

    ResponderEliminar
  16. O que interessa, é que sabe bem ;)
    Bjos

    ResponderEliminar
  17. As duas receitas são de facto um prazer só de olhar...e esta não foge à excepção... é continuar o bom trabalho :)

    Anabela

    http://chocolatissimooo.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  18. Ai que coisa tão boa!! :P
    Fiquei a babar com essas fotos e com essa receita, que maravilha!! ;)

    ResponderEliminar
  19. Menina, vim agradecer a tua visitinha e comentários ao meu cantinho quando me deparo com esta delicia.Linda e com ar de fazer qualquer um cair para o lado a babar-se, como eu neste momento...
    Beijinhos e bom resto de semana.

    ResponderEliminar
  20. ha muito que nao vinha a tua cozinha andava a tentar actualizar -me ca chguei e deparo-me logo com uam rceita deliciosa como esta- se e aldrabvad ou nao nao importa porque eu ja m etou a babar so de ver. bijinhos

    ResponderEliminar
  21. Bem, mas que bela recepção. Este prato tem um aspecto óptimo, imagino o sabor :p

    Tenho visitado o teu blog "invisivelmente" e hoje decidi deixar ficar um comentário. Adoro as tuas experiências de cozinha!!

    Beijinhos *

    ResponderEliminar
  22. O nome é muito engraçado, mas a receita é estupenda - que delicia!
    Bjos
    Léia

    ResponderEliminar
  23. Completamente aldrabada, reinventada e inovada :) Mas nem por isso deixa de ser menos apetecível ;)

    ResponderEliminar
  24. Moussaka com bechamel... sua gulosa! :D

    ResponderEliminar
  25. O teu esparguete deve agradecer de joelhos a princesa que têm...diga a ele que eu disse sem pestanejar...que coisa mais deliciosa, assim que puder vou experimentar. Sabes que estás no meu coração!!!Beijos no seu...

    ResponderEliminar
  26. Que cosa más rica! A mi también me encanta la moussaka! Riquísimo!!
    Besos!

    ResponderEliminar
  27. Eheheheh!Aldrabada mas com optimo aspecto!
    Bj

    ResponderEliminar
  28. Não sou grande amigo de moussaca, mas adoro a tua, agora sei porque, quando comi moussaca foi na Grécia e ele fazem a nadar em azeite/óleo, é isso que não gostei a tua esta bem diferente e apetitosa sei que iria ser uma delicia ..parabéns :) xx

    ResponderEliminar
  29. Bem, nunca pensei que legumes pudessem parecer tão gulosos!

    ResponderEliminar
  30. Como não comemos berinjela aqui em casa a moussaka é como a tua, com abobrinha....bom demais da conta. Quero um pedacinho....
    Bjs.

    ResponderEliminar
  31. Que bom aspecto!! Dessas aldrabices gosto! bjinhos

    ResponderEliminar
  32. Nunca comi moussaka, mas prefiro com estes ingredientes.
    Bjs

    ResponderEliminar
  33. Olha que eu não me importava nada que me aldrabaces com esta maravilhosa moussaka.
    Excelentes fotos x

    ResponderEliminar