quinta-feira, 14 de Fevereiro de 2013

Quando o amor em verso sabe a chocolate.

O Dia dos Namorados é uma data que cá por casa não recebe especial atenção, mas aqui no blogue não há como lhe fechar os olhos.
Eu tento manter os meus sempre abertos para a poesia dos dias. Porque, afinal, o amor em verso torna-os bem mais doces.

Photobucket 

Neste dia em que a doçura nos chega em forma de corações, por aqui chega em forma de chocolate!
Com laranja e amendoins de mel, conto-vos tudo sobre como fazer no post de amanhã.

Feliz dia dos namorados! 

 Photobucket 

Para sugestões de presentes e de um menu para um jantar especial, vejam aqui.




.............................

8 comentários:

  1. Hoje é que dava jeito não? :)
    Bjs
    Betty

    ResponderEliminar
  2. Betty, no menu que partilhei ontem, já vem um gelado de chocolate para adoçar a boca!
    Amanhã trago um post com tudo explicadinho. :)

    ResponderEliminar
  3. Um poema também pode ser açúcar. :)

    ResponderEliminar
  4. A beleza de um poema e a doçura de um chocolate caseiro não têm como igualar qualquer presente impessoal de uma loja.
    Por cá também se fez um chocolate assim, como o que fiz no natal, para adoçar e mimar quem é especial, hoje e sempre :)
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Inês, eu lembro-me, era a receita da Margarida, não era?
      Amanhã vem espreitar a receita, tem um twist diferente sobre como temperar o chocolate que aprendi num workshop! :) Bjs

      Eliminar
  5. Esse chocolate tem um aspecto tão bom...volto amanha para saber mais.
    bjs

    ResponderEliminar
  6. Oh que lindo!! Adorei tudo, poema, receita e foto! beijos

    ResponderEliminar